Kantar Worldpanel - www.kantarworldpanel.com

América Latina em ritmo mais lento...

10/04/2015

A sensação de desaceleração da economia não foi sentida apenas no Brasil, a América Latina como um todo sofreu uma freada no consumo. Segundo pesquisa realizada pela Kantar Worldpanel, a insegurança e violência ocupam o primeiro lugar quando o assunto é a principal preocupação dos latino-americanos (59%), seguido da preocupação com a saúde, com 45%.

O aumento de preços e inflação também seguem no topo das principais preocupações da região, e ocupam o terceiro lugar com 44%. Venezuela e Argentina sentem mais o peso do aumento de preços e essa preocupação acaba ficando em segundo lugar nos dois países. O Brasil não fica fora desta tendência, pois o tema intriga cada vez mais os brasileiros. Em 2010, 35% pontuaram a inflação como sua maior preocupação, já, em 2014, este número subiu para 42%.


Além disso, 50% dos países reduziram o consumo de alimentos e itens de cuidado pessoal. A cesta de bebidas é a que cresceu em mais países, com destaque para os refrigerantes. A categoria registrou crescimento de 3,7% em volume na Colômbia, 4,1% na Bolívia, 4,6% nos países da América Central e 3,0% no Chile.
O Brasil possui maior desempenho na região, apresentando crescimento de 5,0% em volume médio na cesta de alimentos, produtos lácteos, cuidados do lar e pessoal, mas registou o menor crescimento com a cesta de bebidas, com destaque apenas para cerveja (2,3%), suco pronto (1,7%) e suco em pó (1,1%).


O ano de 2015 deve registrar um tímido crescimento da economia da América Latina, e a recuperação econômica provavelmente fique apenas para 2016. De acordo com a pesquisa é possível esperar a maior crescimento em países como: Peru, Chile e México. E na contramão, Venezuela e Argentina mantém a incerteza na região.

América Latina em ritmo mais lento...

Entre em contato

Carolina Andrade
Marketing and Communication Executive

Latin America Consumer Overview (LCO) 2015

Social
Newsletter
Twitter
LinkedIn

O nosso site utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário.
Para continuar a utilizar este site, você concorda com a nossa utilização de cookies. [Cookies]