Kantar Worldpanel - www.kantarworldpanel.com

Crise afeta telefonia no Brasil

11/12/2015

A atual crise econômica alterou o consumo de aparelhos e serviços de telefonia no Brasil. De acordo com dados do ComTech, elaborado pela Kantar Worldpanel, os consumidores retraíram a aquisição de linhas e aparelhos nos últimos doze meses terminados em junho em comparação com o mesmo período do ano passado. A compra de linhas secundárias sofreu queda de 1,4% de dezembro de 2014 para junho deste ano, enquanto a de novos telefones caiu 10% no último ano móvel. O estudo revelou ainda que 92% dos brasileiros têm telefone celular, sendo que 4% deles contam com duas linhas.

O levantamento aponta também que os antes populares contratos pré-pagos têm perdido espaço. Enquanto eles ficaram estáveis em volume no último ano (0,1%), os pós-pagos cresceram 27,3%. Já os planos controle deram um salto de 32%. Segundo especialistas da Kantar Worldpanel, o que explica esse aumento é que atualmente os usuários querem mais benefícios do que os oferecidos pelos pré-pagos, mas não desejam gastar com os pós-pagos, com isso, um plano intermediário acaba sendo a escolha natural. Os números comprovam a tendência: 33% dos usuários de pré-pagos que mudaram de plano optaram pelo controle, enquanto 24% migraram para o pós-pago. 

A fase de racionalização, no entanto, não significou queda na receita média por usuário, já que as contas mensais de preço médio ganharam espaço sobre as mais baixas, graças aos gastos extras dos consumidores. Os usuários que compraram pacotes extras de internet, por exemplo, aumentaram em 28% no último semestre, com maior participação dos que têm planos pré-pagos.

E por falar em gastos, o ComTech apontou que 72% dos gastos extras dos pré-pagos são empregados em dados, nos pós-pagos, 72% com pacote de SMS, e nos planos controle, 70% com dados. 

Crise afeta telefonia no Brasil
Social
Newsletter
Twitter
LinkedIn

O nosso site utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário.
Para continuar a utilizar este site, você concorda com a nossa utilização de cookies. [Cookies]