Kantar Worldpanel - www.kantarworldpanel.com

Mercado global de FMCG online crescerá 17 bi até 2016

18/06/2014

Um novo relatório lançado pela Kantar Worldpanel revela estratégias para varejistas e marcas de aproveitar o crescimento previsto das vendas online no mercado de FMCG. A Kantar Worldpanel prevê que o comércio eletrônico será responsável por US $ 53 bilhões em vendas globais de FMCG em 2016 - um aumento de US $ 17 bilhões (47%) sobre os atuais US $ 36 bilhões.

O relatório, que se baseia em análises profundas dos hábitos de compra de 100,000 consumidores em dez dos maiores mercados de consumo online de FMCG, prevê que o e-commerce será responsável por 5,2% das vendas globais de FMCG em 2016 - um aumento de 3,7% nos dados atuais.

O relatório também prevê que a Ásia será o próximo mercado de maior crescimento. A Coreia do Sul vai continuar com a sua posição de liderança on-line concentrando 13,8% das vendas de FMCG em 2016. Hoje, 55% dos compradores coreanos compram on-line, um valor excepcionalmente alto que não se iguala a nenhum outro país do mundo. O market share online de FMCG continuará a crescer rapidamente em Taiwan e na China para alcançar 4,5% e 3,3% de participação no mercado total de FMCG, respectivamente.

Atualmente, o Reino Unido é o pioneiro no mercado europeu de FMCG online. Compradores online britânicos compram na internet uma vez por mês e seus carrinhos são cinco vezes maiores do que quando compram off-line (na maioria dos países carrinhos de compras on-line são duas vezes maiores que seus equivalentes off-line). No entanto, o crescimento impressionante da oferta de “click and collect” na França, conhecido como "Drive", fará com que a França ultrapasse o Reino Unido em 2016 com 6,1% contra 5,5% de market share, respectivamente.

O crescimento das vendas on-line de FMCG apresenta uma excelente oportunidade para os varejistas e marcas. Atualmente os compradores on-line, tipicamente de classe média e alta, tendem a favorecer os produtos de marca própria tornando-se uma plataforma ideal para as marcas. Na França, 55% dos consumidores on-line reutilizam a mesma lista para cada viagem, o que torna essencial para as marcas para garantir um lugar nas listas de compras para que possam se beneficiar deste crescimento previsto.


Análise em profundidade do mercado online FMCG por país

 

Porcentagem de market share de FMCG online em 2013

Porcentagem de compradores online em 2013

Média de transações online por pessoa em 2013

Tamanho do carrinho online vs média em 2013

Porcentagem de Market share de FMCG online em 2016

Coréia do Sul

10.2

55

8

2.3

13.8

França 

3.9

30

5

2.0

6.1

Reino Unido

4.9

22

12

4.8

5.5

Taiwan

3.2

36

4

2.4

4.5

China

1.9

28

3

1.7

3.3

Portugal

0.9

8

3

2.4

1.4

Espanha

1.0

14

2

2.3

1.2

 

Stéphane Roger, Diretora Global de Shopper and Retail na Kantar Worldpanel, explica: "Embora o online tenha uma pequena participação nas vendas de FMCG, no momento, todos os países estão testemunhando um crescimento considerável. O futuro pertence a varejistas e marcas que enxergam adiante e aproveitam as oportunidades oferecidas para ampliar seus targets. Demorar em adotar medidas online tem o potencial para danificar significativamente as vendas e prejudicar a participação de mercado".

O relatório revela as barreiras que impedem os varejistas e marcas de se envolver com o canal on-line. Ele mostra que a maioria delas são percebidos ao invés de fazer parte do comportamento de compra dos consumidores. As compras online carregam um medo e um sentimento que as vendas em lojas físicas estão canibalizadas e que os consumidores vão se tornar menos leais se fazem compras online - a pesquisa mostra que o oposto é verdadeiro para ambos os cenários.

Stéphane Roger ainda diz: "Uma das principais preocupações para o mercado de FMCG, é que o e-commerce afastará o consumidor dos canais físicos. No entanto, este é também um dos maiores equívocos. Ter uma oferta on-line ajuda os varejistas a garantir uma receita adicional, em vez de canibalizar gastos existentes em lojas de tijolo e argamassa."

O relatório também apresenta as estratégias que os varejistas e as marcas estão implementando para ganhar market share em diferentes ambientes de varejo locais, da Coreia do Sul, China, França e Reino Unido. Estas incluem compras por impulso, varejo on-line mais divertido e as últimas técnicas em lojas de conveniência.

Mercado global de FMCG online crescerá 17 bi até 2016

Entre em contato

Andrea Prandi
Gerente de Marketing

Clique aqui para baixar o relatório

Social
Newsletter
Twitter
LinkedIn

O nosso site utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário.
Para continuar a utilizar este site, você concorda com a nossa utilização de cookies. [Cookies]